Gravatá, Pernambuco, Brasil: Combate à violência contra a mulher será trabalhado em sala de aula

. IGUALDAD HOMBRES/MUJERES .

Un artigo da Prefeitura de Gravatá

Uma parceria entre a Secretaria da Mulher com a Secretaria de Educação irá levar à debate nas escolas municipais a importância da Lei Maria da Penha, além de conscientizar os estudantes sobre a necessidade de combater a violência contra a mulher e trabalhar a prevenção da violência doméstica e familiar para construir uma cultura de paz.


Membros do projeto: A Secretária da Mulher, Taciana Medeiros, está no centro vestida de azul

(O artigo continua no lado direito da página)

Question related to this article:

Protecting women and girls against violence, Is progress being made?

(O artigo continua a partir do lado esquerdo da página)

[Nota do editor: Maria da Penha Maia Fernandes, vítima emblemática da violência doméstica, é uma brasileira que lutou para que seu agressor viesse a ser condenado e hoje é líder de movimentos de defesa dos direitos das mulheres. Em 7 de agosto de 2006, foi sancionada pelo ex presidente do Brasil Luiz Inácio Lula da Silva a Lei Maria da Penha, na qual há aumento no rigor das punições às agressões contra a mulher, quando ocorridas no ambiente doméstico ou familiar.]

Na manhã desta segunda (14 de agosto) foi realizada uma reunião com gestores e educadores da rede municipal para apresentar a necessidade de desenvolver atividades acerca do tema com as crianças e adolescentes e elaborar um plano de ação.

Intitulado como “Maria da Penha vai à Escola”, o projeto trabalha a educação como melhor forma de prevenção. A Secretária da Mulher, Taciana Medeiros, destaca a participação dos alunos como fundamental para a construção de um futuro melhor.

“Educar as crianças e adolescentes, ensinar a respeitar e conviver em harmonia é a melhor forma para combater a violência, precisamos investir na formação de indivíduos conscientes.” Afirmou.

As escolas devem realizar atividades até o final de setembro.

(Clique aqui para uma versão em Inglês )

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *